Fogo de vista: Alexandra Lencastre deixa “Passadeira Vermelha” sem tempo para saudades

Alexandra Lencastre vai mesmo abandonar o painel de comentadores do programa “Passadeira Vermelha”, da SIC Caras, ao fim de apenas dois meses. E tudo por causa da novela “Como Um Rio”.

09 Dez 2021 | 21:08
-A +A

Alexandra Lencastre está mesmo fora do “Passadeira Vermelha”. Tal como a NOVA GENTE já tinha avançado em exclusivo, a atriz vê-se obrigada a deixar o papel de comentadora do programa emitido pela SIC Caras e pela SIC para poder dedicar-se às gravações da novela “Como Um Rio”.

“Isto era uma coisa que já estava prevista desde o início”, contou uma fonte à mesma revista, explicando que, mesmo com algumas emissões de “Passadeira Vermelha” a serem gravadas antecipadamente, o programa ocuparia a Alexandra Lencastre tempo precioso.

A notícia foi agora confirmada por Liliana Campos, que conduz o magazine do canal de Paço de Arcos. “Embora gostasse muito de estar connosco, viu que ia ser cansativo, por vezes impossível devido ao ritmo das gravações. Para o programa, seria ótimo continuarmos juntos, mas ela já viu que é difícil, por causa do papel que é. Nós temos pena que assim seja”, referiu a apresentadora à TV Guia.

Alexandra Lencastre deverá gravar o último programa por estes dias. A atriz fazia parte do “Passadeira Vermelha” desde meados de outubro. O formato ficará agora com Joana Latino, Nuno Azinheira, Pedro Crispim, Rita Salema, Sara Norte e Hugo Mendes.

 

Namorado de Alexandra Lencastre esteve preso

 

O namorado de Alexandra Lencastre já esteve preso, como a NOVA GENTE adiantou em exclusivo. O caso remonta a 2011 e envolveu um assalto à mão armada, do qual o empresário chegou a ser dado como ‘mentor’. Entre a prisão preventiva e a condenação, Nuno Fernandes passou cerca de um ano atrás das grades do Estabelecimento Prisional de Lisboa (EPL).

Tudo aconteceu a 18 de março de 2011 numa rua do bairro de Alvalade, em Lisboa. De acordo com o relatório dos inspetores da Polícia Judiciária (PJ) a que uma revista semanal teve acesso, um homem e a sua neta, de apenas sete anos, estavam a sair do carro para entrarem em casa quando foram surpreendidos por dois homens “de pistola em punho”. Terão sido os gritos da menina e a resistência do avô que assustaram os criminosos e travaram o pior, diz a Sábado. Os assaltantes acabaram por levar 300 euros e por fugir num carro, conduzido pelo agora namorado de Alexandra Lencastre. Este viria, mais tarde, a ser dado como “arquiteto do crime”.

Nuno Fernandes é, de resto, filho do dono de uma mercearia na Avenida de Roma, situada “bem perto” da ourivesaria de que a vítima era proprietária, e conhecia as pessoas da zona – as suas movimentações e os seus hábitos diários. “O Nuno é dali desde pequenino”, contou uma fonte àquela publicação.

 

Condenado “por roubo agravado e posse de arma proibida”

 

Foram as testemunhas oculares e o mapa de utilização do táxi usado nesse assalto que a PJ chegou ao namorado de Alexandra Lencastre. Numa primeira instância, este disse que estava apenas a conduzir os amigos e que não fazia ideia do que eles tinham feito. Em agosto de 2011, Nuno Fernandes e os restantes envolvidos foram acusados e condenados por roubo agravado e posse de arma proibida.

Ao longo do processo, e depois da prisão preventiva e da prisão domiciliária, o empresário foi detido no EPL. Foi-lhe concedida liberdade condicional em novembro de 2014. “Talvez seja das poucas pessoas a quem a cadeia teve um efeito positivo, já que depois disso nunca mais houve notícia de que se tenha envolvido em confusões”, diz um amigo de Nuno Fernandes à Sábado.

 

“Toda a gente tem direito a uma segunda oportunidade”

 

Sobre este assunto, Alexandra Lencastre prefere remeter-se ao silêncio. “Sem prejuízo do respeito que merece o trabalho jornalístico em geral,  os julgamentos foram feitos na altura e em sede própria e o Nuno Fernandes cumpriu com aquilo que tinha a pagar à sociedade”, lê-se, num comunicado enviado à TV 7 Dias pela agência que representa a atriz.

“A Alexandra Lencastre não se manifestará sobre este assunto publicamente, a não ser através deste comunicado, por entender que tem direito a manter a sua intimidade resguardada. E por ter aprendido, ao longo da vida, que toda a gente tem direito a uma segunda oportunidade a partir do momento em que prove merecê-la”, diz o mesmo.

 

Veja a reação da atriz aqui.

 

Texto: Ana Filipe Silveira; Fotos: Arquivo Impala e reprodução redes sociais

PUB