“É possível alterarmos a nossa realidade”: Miguel Cristovinho mostra barriga trabalhada

Miguel Cristovinho propôs-se a um desafio: 30 dias de treino intensivo para melhorar a sua forma física. E não é que, apesar das dificuldades resultou?

04 Mar 2021 | 9:40
-A +A

Miguel Cristovinho está em excelente forma física. Quem o diz são os fãs do vocalista do D.A.M.A.. O artista partilhou o resultado de um desafio de 30 dias e deliciou os fãs.

Numa imagem onde mostra o antes e o depois da sua barriga, os resultados estão à vista.

“Família, acabei por não partilhar a diferença do antes e depois do challenge de 30 dias que fiz, mas deixo-vos aqui esta. As fotografias têm tipo cinco meses de diferença”, escreve. “Para quem não me conhece no dia-a-dia, eu sou um gajo que adora comer, como muito, adoro comer merda fora de horas e regra geral não curto treinar”, acrescenta.

Os últimos sete anos foram um malabarismo autêntico”

O ex-marido de Mia Rose, garante que “os últimos sete anos foram um malabarismo autêntico” entre comer o que lhe apetece, “em casa ou na estrada, com pouca contenção, acompanhado de fases esporádicas de treinos” que ainda assim lhe dessem “algum prazer” e que serviriam para Miguel fazer o que lhe apetecesse,“sem ficar uma Bola de Berlim andante”.

“Olhando para a fotografia da esquerda parece-me que não posso dizer que tive grande sucesso com a minha estratégia. Vemos algumas pessoas com formas físicas épicas e pensamos: ‘pah, impossível, esta pessoa deve comer três nozes por dia’, ou então imaginamos que conta macros e só de pensar em fazer isso dá-nos uma pequena trombose”, desabafa.

Apetece-me chorar

Cristovinho impôs como objetivo para 2021 “ter uma forma física decente e tem estado a ser um esforço grande”, revela. “Fiz os treinos do meu querido amigo de infância Thomas, contive-me nas ruffles de presunto às 3 da manhã ou no geladinho sempre depois de jantar. Aconselho-vos a experimentar, mesmo, ele é uma besta e faz-me questionar constantemente como é que é possível fazer aquilo todos os dias, sempre a falar o tempo todo, mas a realidade é que motiva”, esclarece.

O músico dos D.A.M.A. revela também as dificuldades que teve para chegar ao estado físico a que chegou. “Não houve um único dia de treino que acordei e pensei ‘eish, que delícia, vou treinar’. Não. É horrível. Apetece-me chorar. Não vos vou dar dicas sobre o que comer e o que não comer porque provavelmente continuo um bocado aos papéis. Curtia só que soubessem que mesmo para pessoas como nós, com alguma força de vontade e uma narrativa positiva, é possível alterarmos a nossa realidade”, esclarece.

“Agora é continuar o melhor possível, vamos ver se aguenta até julho. Much love (significa ‘muito amor’ em português)”, finaliza,

Veja o antes e depois de Miguel Cristovinho na nossa galeria.

Texto: Andreia Costinha de Miranda; Fotos: reprodução Instagram

Leia também:

 

PUB
Top